A nossa História

– Posso-me sentar?
– Sim, podes.
– Obrigado. Eu sou o Carlos, de Espanha.
– Olá Carlos de Espanha. Eu sou a Vanda, de Portugal.
– Olá, Vanda de Portugal.

Foi através desta conversa simples que nos encontrámos pela primeira vez. Era outubro de 2017, em São Francisco (EUA). Estávamos a iniciar o Programa de Certificação de Professores do SIYLI. Por outras palavras, estávamos na linha de partida para um novo desafio profissional: ajudar as empresas a humanizar as suas práticas, treinando líderes e colaboradores em inteligência emocional e práticas de atenção plena (mindfulness).

Alguns anos depois, conseguimos compreender melhor este chamamento. Primeiro, sentimos profundamente a nossa vontade em ajudar não apenas corporações, líderes e colaboradores, mas expandir para toda a comunidade empresarial, especialmente onde o novo está sendo criado, incluindo também organizações sem fins lucrativos, pequenas empresas, empreendedores e trabalhadores independentes. Segundo, ficámos convencidos de que a prática inteligente era uma obrigação e que essa prática inteligente acontece mais facilmente quando abraçamos a totalidade do ser, tanto na “vida pessoal” como na “vida profissional” por isso incluímos a família, especialmente a vida em casal e a parentalidade. Por fim, reconhecemos a nossa vontade espontânea de semear e regar a inteligência emocional em ação, por isso pensamos no amor como o principal sujeito e objeto do nosso chamamento e oferta.

Por outro lado, também entendemos melhor o nosso desafio enquanto professores e facilitadores. Sentimos o quão difícil e exigente é qualquer esforço individual para entrar no mercado, revelando-se por isso como obrigação a existência de uma estratégia coletiva. Além disso, experimentámos o quanto precisamos de tecnologias e ferramentas de ponta para alavancar qualquer proposta, de modo a atingir os níveis de eficiência e escala que permitam sustentabilidade económica.

Inicialmente, a vida surpreendeu-nos ao orquestrar magicamente o nosso primeiro encontro. Depois juntos encontrámos a evidência esmagadora de que o amor supera o medo quando assim o escolhemos. Experienciámos também que as diferenças são oportunidades de crescimento e aprendizagem e que as semelhanças são o melhor lugar para descansar e manter a motivação que nos ajuda a seguir em frente. Ao compartilhar valores e intenções, descobrimos que generosamente podemos combinar habilidades e competências de modo a que juntos possamos desfrutar mais e fazer melhor.

Neste percurso, olhámo-nos carinhosamente e dissemos “Sim” várias vezes. Dissemos “Sim” porque sentimos profundamente que a nossa vocação era real e que queríamos comprometer-nos plenamente. Também dizemos “juntos” todos os dias. Dizemos “juntos” porque queremos caminhar juntos, mas também convidar livremente outras pessoas a se unirem e caminharem connosco.

É assim que escolhemos lembrar a nossa história. E foi deste modo que demos à luz a The School of We.

““Nenhum de nós, inclusive eu, faz grandes coisas. Mas todos nós podemos fazer pequenas coisas, com muito amor e juntos podemos fazer algo maravilhoso. ”

Mãe Teresa